Equipe do IPA participa de reunião com comunidades quilombolas de Águas Belas sobre Programa de Aquisição de Alimentos (PAA)

O encontro aconteceu no Sindicato dos Trabalhadores Rurais do município

Extensionistas do IPA, autoridades locais e agricultores da região participaram, nesta quinta-feira (18), da reunião para cadastramento de comunidades quilombolas no PAA Quilombolas, no município de Águas Belas. O encontro foi realizado na sede do Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STR) do município. O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), do Governo Federal, tem a finalidade de comprar alimentos produzidos na agricultura familiar e repassar para instituições que atendem pessoas em situação de vulnerabilidade social e nutricional.

Participaram do evento o gerente da Regional do IPA/Garanhuns, Emmanuel Marçal, a supervisora regional, Vicência Tenório, representante do escritório local do IPA, Marcos José, o secretário municipal de Desenvolvimento Agrário, André Paixão, que no encontro representou o prefeito de Águas Belas, Luiz Aroldo Rezende, Tavares, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, e representantes do Conselho Municipal do Desenvolvimento Rural Sustentável.

Os participantes consideram a reunião bastante proveitosa e que serviu também para tirar dúvidas sobre o programa. Após o evento preparativo  do PAA, o grupo esteve no IPA local e, em seguida, no Centro de Referência e Assistência Social (CRAS) municipal, onde foi pedir apoio para atender quilombolas do município que estão em situação de vulnerabilidade social, para que possam ser atendidos pelo PAA por meio das comunidades quilombolas cadastradas no programa.

Na última terça-feira (16), a reunião sobre o PAA aconteceu na sede do Sindicato dos Trabalhadores Rural (STR) de Bom Conselho, com a presença de lideranças de comunidades quilombolas. O encontro foi para passar informações sobre o PAA Quilombolas. Participaram da reunião Vicência Tenório, supervisora regional da Gerência do IPA/Garanhuns, Samantha Brito, coordenadora do PAA Garanhuns, Hélio Alexandre, IPA/Garanhuns e Thiago Ferraz, do IPA/Bom Conselho.

Leia Mais

Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), do Governo Federal, chega à Região do Sertão do Pajeú

O lançamento do programa ocorreu na sede do Escritório Regional do IPA/Afogados da Ingazeira

Agricultores/as do município de Afogados da Ingazeira, no Sertão do Pajeú, e demais cidades da região, entraram para rede de fortalecimento da alimentação dos que mais precisam. Nesta quarta-feira (17), ocorreu o lançamento do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), do Governo Federal, na sede da Gerência Regional do IPA/Afogados da Ingazeira. Os produtos comprados dos produtores locais são repassados para entidades que atendem pessoas em situação de vulnerabilidade alimentar e social.

Os agricultores/as cadastrados no programa levaram para o evento frutas, verduras, hortaliças e tubérculos colhidos em suas propriedades e que irão reforçar as refeições preparadas pelas entidades beneficiadas pelo PAA. Da verba destinada a Pernambuco, pelo Governo Federal, o repasse para o IPA foi de R$ 8 milhões, 70% a mais que no ano de 2023.

Presente à solenidade, o diretor presidente do IPA, Joaquim Neto, destacou que Pernambuco foi o terceiro estado do país contemplado com o volume de recursos repassados pelo Governo Federal para o PAA, ficando atrás apenas da Bahia e Minas Gerais. “Isso é muito importante para que possamos chegar aqueles que mais precisam e essa é a preocupação da governadora Raquel Lyra”, ressaltou Joaquim.

O diretor presidente do IPA também falou sobre o trabalho que vem sendo realizado para que os agricultores obtenham a certificação de seus produtos e, assim, ter condições de comercializar também para rede privada e até para o mercado internacional. “Esse é o nosso trabalho. É dar ao agricultor/a o que ele precisa para vender sua produção para além dos programas oficiais dos governos federal e estadual”.

O diretor de Extensão Rural do IPA, Francisco Dantas, além de destacar a qualidade dos alimentos produzidos na Região do Pajeú, falou sobre o trabalho em parceria com os agricultores/as. “Vocês fazem a parte de vocês e nós a nossa, executando políticas públicas para aqueles que precisam e para aqueles que produzem”, ressaltou.

Para o vice-prefeito de Afogados da Ingazeira, Daniel Valadares, as ações conjuntas realizadas pelas entidades públicas chegam mais rápido para quem precisa. “É isso que estamos fazendo aqui. O nosso papel é chegar junto das pessoas, levando coisas boas e em 2024 teremos muitas coisas boas para vocês”, garantiu o gestor.

A secretária municipal de Assistência Social, Maria Madalena Patriota, agradeceu ao IPA por ter incluído entre as instituições beneficiadas no PAA a Cozinha Comunitária do município. “Vocês não imaginam o que isso representa na vida de quem precisa desses alimentos. São andarilhos, moradores de rua, gente que não tem o que comer e a partir de agora vão passar a comer alimentos de qualidade. Isso é muito importante”, definiu.

Também participaram do evento a gerente da Regional IPA/Afogados da Ingazeira, Tereza Cristina Monteiro, o extensionista do IPA e coordenador do PAA, Isaque Nascimento, equipes de extensionistas e técnicos do instituto, técnicos da Adagro e agricultores/as da região.

Leia Mais

IPA lança Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) em Sertânia

O programa do Governo Federal vai beneficiar cerca 150 mil pessoas em todo o Estado

Sertânia, no Sertão do Moxotó, é mais um dos municípios pernambucanos contemplados com o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), do Governo Federal. O lançamento na cidade aconteceu nesta terça-feira (16), com a presença do diretor presidente do IPA, Joaquim Neto, o diretor de Pesquisa e Desenvolvimento do instituto, Henrique Castelletti, autoridades locais, agricultores e equipes de extensionistas e técnicos do IPA.

O programa está chegando aos municípios, beneficiando diretamente famílias que residem em sítios, assentamentos e comunidades quilombolas de todo o estado. Em Pernambuco, o PAA chagará a 87 municípios, em um trabalho executado nas 12 regionais do IPA.

Por enquanto, 1.610 agricultores estão cadastrados para vender os seus produtos. Na regional de Sertânia, o IPA cadastrou 25 agricultores da família. O planejamento elaborado pelo instituto para o PAA prevê que 150 mil pessoas serão atendidas pelo programa em todo o estado. Da verba destinada a Pernambuco pelo Governo Federal, o repasse para o IPA foi de R$ 8 milhões, 70% a mais que no ano de 2023.

“Isso aqui é uma pequena grande ação. É o recomeço de um programa que nunca deveria ter parado. A governadora Raquel Lyra procurou o presidente Lula e nós lançamos o PAA em Pernambuco. A preocupação da governadora é com todo Pernambuco, mas especialmente com os pequenos e nele que vamos chegar com programas como o PAA”, afirmou Joaquim Neto.

Estiveram presentes ao evento, o vice-prefeito de Sertânia, Toinho Almeida, as vereadoras Galba Siqueira, Magali Andrade e Rita Rodrigues, o vereador Junhão Lins, o extensionista do IPA e coordenador do PAA em Pernambuco, Isaque Nascimento, o gerente regional do IPA/Arcoverde, João Paulo Santana, o supervisor regional, Evaldo dos Santos, entre outras autoridades.

O presidente Joaquim Neto e equipe ainda estiveram na Estação Experimental de Sertânia para uma reunião de trabalho.

Fotos: Paulo Aguiar

Leia Mais

IPA acompanha colheita do experimento do arroz em Vitória de Santo Antão

O trabalho é realizado em parceria com o MST

Em mais uma ação para o fortalecimento da agricultura no nosso estado, o Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA) acompanhou, nesta quinta-feira (4), a colheita dos experimentos do arroz, no assentamento Pedreiras, em Vitória de Santo Antão. O trabalho vem sendo realizado em parceria com Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST).

“Este é o verdadeiro papel do IPA. Fazer pesquisa e extensão rural para e junto com os agricultores. A retomada do arroz é uma alternativa importante, e mais um passo na busca da soberania alimentar”, destacou o diretor de Pesquisa e Desenvolvimento do instituto, Henrique Castelletti.

O arroz já foi plantado em Aliança (colhido), Vitória (colhido nesta quinta-feira), e Água Preta, que tem previsão de colheita para o próximo mês.

Além de Henrique Castelletti, também acompanharam a colheita o diretor de Extensão Rural, Francisco Dantas, o curador da Pesquisa, Antônio Félix, e a pesquisadora Palmira Cabral.

Leia Mais

IPA instala ensaio de cultivo de tomateiros na Estação Experimental de Brejão

O Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA) instalou, na última quinta-feira (26), na Estação Experimental, em Brejão, um ensaio de valor de cultivo e uso (VCU) e distinguibilidade, homogeneidade, estabilidade (DHE), com 32 (trinta e dois) genótipos de tomateiros, entre linhagens e híbridos provenientes dos cruzamentos entre estas linhagens.

De acordo com o Julio Mesquita, pesquisador e supervisor do Programa de Hortaliças do IPA, os ensaios de VCU tem por finalidade determinar quais as linhagens candidatas a cultivares tenham valor agronômico comprovado em condições de cultivo.

“E os ensaios de DHE comprovam que cultivar ou a cultivar se distingue de outra cujos descritores são conhecidos, homogêneas quanto às suas características em cada ciclo reprodutivo e estáveis a cada geração. Para estes ensaios são seguidas as normas elaboradas pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento”, explicou o pesquisador.

O trabalho foi realizado em parceria com a Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco (Facepe), que financiou o projeto e a bolsa da pesquisadora Jaqueline Pereira.

Leia Mais

Prefeito de Taquaritinga do Norte visita presidente do IPA

Durante a reunião, gestor reivindicou distribuição de sementes para agricultores do município

Em visita, nesta terça-feira (26), ao diretor-presidente do IPA, Joaquim Neto, o prefeito de Taquaritinga do Norte, Ivanildo Mestre (Lero), apresentou reivindicações para atender os agricultores do município, com a distribuição de sementes (milho, feijão e sorgo). Ele esteve no IPA, acompanhado do presidente da Câmara Municipal, o vereador Milton Cícero.

“Todo ano nós solicitamos ao IPA, por meio de ofício, a distribuição de sementes. E temos certeza que, em breve, a nossa reinvindicação será atendida pelo presidente”, disse o prefeito. Ele destacou, ainda, que Taquaritinga do Norte tem um forte potencial na agricultura e também no turismo (com o café orgânico), e na confecção (camisaria), este último no distrito de Pão de Açúcar.

Sobre a parceria com IPA, Lero destacou, além da distribuição de sementes, a aração de terra, com o Programa Terra Pronta. “Juntos, nós com a Secretaria municipal de Agricultura, o Governo do Estado e o IPA, vamos, com certeza, melhorar a qualidade de vida dos nossos agricultores”, garantiu o prefeito.

Leia Mais

IPA lança PAA na Gerência Regional de Garanhuns

Uma solenidade realizada nesta quinta-feira (21), na Regional do IPA/Garanhuns, marcou o lançamento do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) no município. A ação contempla agricultores familiares de sítios e comunidades quilombolas da região. Em Pernambuco, o PAA irá chegar 87 municípios, em um trabalho implementado pelo IPA. Da verba destinada ao programa pelo Governo Federal, o instituto recebeu R$ 8 milhões.

Em Garanhuns, sete instituições receberam os alimentos que foram colhidos por 11 agricultores da região. Foram cinco creches, um abrigo de idosas e o grupo Desafio Jovem, beneficiando 560 pessoas, que terão a alimentação reforçada com hortaliças, verduras, frutas e tubérculos, a exemplo de mamão, milho verde, couve, macaxeira e batata doce. Foram adquiridos 1.300 quilos de alimentos.

O abrigo São Vicente de Paulo, que acolhe 65 idosas, foi uma das entidades beneficiadas. Antes do lançamento do programa, o diretor-presidente do IPA, Joaquim Neto, visitou as instalações. Ao falar sobre a importância do PAA chegar às instituições, destacou enriquecimento na alimentação das pessoas. “Na hora que estmos fornecendo alimento de qualidade e seguro, estamos fazendo o bem e gerando saúde à aqueles que mais precisam. E esse o nosso caminho, como a governadora Raquel Lyra prometeu durante a campanha e agora em seu governo de lançar o grande olhar para os que estavam invisíveis’, afirmou. A diretora do abrigo, Irmã Rita Alves Duarte, destacou o benefício da ação para sua instituição. “Vai fazer uma diferença na qualidade de vida das nossas idosas. Não tenho palavras para falar do valor desses produtos entregues pela IPA”, disse a religiosa.

Entres os convidados para inauguração, o deputado estadual Izaías Régis ressaltou o trabalho que vem sendo realizando no estado para dar ao homem do campo condições de produzir, vender e sobreviver. “Quero nesse momento parabenizar os agricultores de todo o nosso município e espero que vocês e toda a equipe do IPA tenham consciência de que não foi só o governo que mudou, mudamos todos nós e que possamos ser o agente desse desenvolvimento do estado”, frisou.

Também participaram do evento, o diretor de Extensão Rural, Francisco Dantas, o diretor de Infraestrutura Hídrica, Pedro Nunes, o gerente da Regional de Garanhuns, Emanuel Marçal, o extensionistas do IPA Isaque Nascimento, responsável pela implantação do PAA nos municípios, a irmã Rita Alves, agricultores e demais representantes das instituições beneficiadas.

Leia Mais

IPA promove a 8ª Feira de Sementes Crioulas do Agreste Meridional

O evento será realizado na Gerência Regional de Garanhuns

Acontece nesta quinta-feira (14), em Garanhuns, a 8ª Feira de Sementes Crioulas do Agreste Meridional, promovida pelo IPA. O evento será realizado na sede regional do instituto, das 8h às 15h30, e contará com uma estrutura de 30 estandes. O objetivo da feira é dar aos agricultores um momento de partilha das suas sementes com outros produtores da agricultura familiar e, ainda, de troca de experiência e de diálogo entre os participantes.

Durante todo dia, além da troca de sementes, também está programado um cine-debate, com a exibição do documentário Feijões da Vida, às 10h, no auditório da gerência regional. A Tenda dos Sabores será outro atrativo da feira, com pratos feitos com produtos da agricultura familiar. Haverá, ainda, apresentações culturais. O evento é uma realização do IPA, com o apoio do Governo do Estado e da Semeam (Rede de Sementes Crioulas do Agreste Meridional de Pernambuco).

As sementes crioulas são sementes milenares, ancestrais e são livres porque podem ser compartilhadas entre os agricultores. “Existe toda uma legislação para livre circulação dessas sementes. Elas são livres, ao contrário de variedades comerciais hibridas e transgênicas, que são protegidas e que são produzidas por empresas da agricultura”, explicou Pedro Balensifer, extensionista da Regional Garanhuns do IPA.

Segundo ele, as sementes crioulas são produzidas por agricultores familiares, camponeses, povos indígenas e quilombolas em suas propriedades, terras e territórios. “As sementes crioulas são as mais antigas do planeta. São fruto do processo de domesticação das espécies vegetais e animais, quando do surgimento da agricultura. Quando houve o processo do surgimento da agricultura houve também o processo da domesticação dessas espécies em vários continentes do mundo”, observou. As sementes crioulas, além de ter grande importância para segurança alimentar e nutricional, tem uma relação cultural com as comunidades, uma vez que são plantadas por muitas gerações familiares.

Leia Mais

Extensionistas do IPA ensinam técnicas de enxerto da Rosa do Deserto para mulheres do campo

Ação foi realizada na Associação Carretão, em Petrolina

Uma ação inédita entre as atividades realizadas pelo IPA aconteceu, na última quinta-feira (7), na Associação de Carretão, localizada a 80 quilômetros de Petrolina. Extensionistas do instituto promoveram uma oficina, com demonstrações práticas, para falar sobre enxertia da rosa do deserto.

Foram mostradas duas técnicas para o enxerto: colagem e sob pressão, utilizando a fita de enxertia. O público, formado basicamente por mulheres agricultoras, aprendeu didaticamente o manuseio correto para fazer o enxerto. A ação foi coordenada pelos extensionistas do IPA Severino Ramos e Nádia de Souza.

A atividade na Associação de Carretão é um exemplo das alternativas que a Gerência de Petrolina vem buscando para atender, principalmente, a mulher do campo.

Leia Mais

IPA promove intercâmbio entre agricultores do Brejo da Madre Deus e Arcoverde

A visita foi realizada em uma plantação de morangos no Brejo da Madre Deus

Uma ação importante para o aprendizado de quem trabalha no campo foi realizada pela Gerência Regional/IPA Extensão Rural de Arcoverde. A regional promoveu um intercâmbio para agricultores da Comunidade Serra das Varas, zona rural de Arcoverde, que tiveram a oportunidade de visitar áreas de produção de morangos, no município do Brejo da Madre Deus, que tem o apoio da Gerência Regional de Caruaru.

No local, os agricultores puderam trocar experiências sobre aquisição de mudas, variedades cultivadas, período de produção, volume produzido, exigências hídricas e de fertilidade de solo, manejos da cultura e processamento e comercialização da produção.

Participaram da visita, o gerente Regional Arcoverde, João Santana, o supervisor Regional Arcoverde, Ivaldo Santos, e os agricultores Lourival Caetano e Rafael Caetano, e o agrônomo da Secretaria Municipal de Agricultura de Arcoverde, Antônio Lins. O grupo foi recebido pelos extensionistas locais Henágio e Maurício.

 A finalidade da visita\intercâmbio é de futuramente implantar uma unidade demonstrativa de produção de morango na comunidade da Serra das Varas, na zona rural de Arcoverde, uma comunidade, que em pleno Sertão do Moxotó pernambucano, apresenta um micro clima de brejo de altitude, com uma altitude próximo dos 900m acima do nível do mar, tendo, portando, condições propícias para produção do fruto. A visita foi realizada na última quinta-feira (7).

Leia Mais