Novo presidente do IPA realiza visita técnica em Estação Experimental

O presidente do Instituto Agronômico de Pernambuco, Weidson Marinho, realizou uma visita técnica na quarta-feira (13), na Estação Experimental e na fazenda da instituição em Caruaru, no Agreste. Junto com uma comitiva de servidores das diretorias de Pesquisa e Extensão Rural, Weidson fez a sua primeira visita após assumir a presidência do IPA, na última quinta-feira (6), após aprovação pelo Conselho de Administração da casa.

“Estivemos com os servidores do IPA que trabalham na regional de Caruaru. Ouvimos as demandas e vamos trabalhar com assertividade para promover as melhores condições possíveis de trabalho para os nossos técnicos. O objetivo é sabermos como e aonde podemos melhorar”, explicou o presidente.

Diário Oficial

Nesta quinta-feira (14), Weidson Marinho teve o seu nome publicado no Diário Oficial de Pernambuco, destinado à publicação de assuntos e atos oficiais que tenham interesse público, confirmando a sua nomeação para o cargo do Diretor-Presidente do Instituto Agronômico de Pernambuco.

Leia Mais

Conselho de Administração do IPA elege novo Diretor- Presidente

Na última quinta-feira (6), o advogado Weidson Marinho de Freitas Uchôa teve o nome aprovado pelo Conselho de Administração do IPA para ser o novo Diretor-Presidente.Weidson Marinho é empregado do IPA desde 2009, ingressando através de concurso público na função de Analista Advogado. Na instituição, já foi gerente do Contencioso Judicial e Administrativo e até a eleição exercia o cargo de Coordenador do Núcleo Jurídico.

Fonte: Núcleo de Comunicação

Leia Mais

Agricultores do Agreste começam a receber sementes do IPA, em Ibimirim

O Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), órgão vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Agrário de Pernambuco (SDA), deu início à distribuição de sementes do Programa Campo Novo no Agreste, no Agreste, no sábado (19). O presidente da instituição, Kaio Maniçoba comandou o evento de lançamento, que ocorreu às 10h, na Unidade de Beneficiamento de Sementes (UBS) do IPA, em Ibimirim.

Para o Agreste, serão destinados 466.240 quilos de sementes de feijão, milho e sorgo forrageiro, beneficiando cerca de 77.700 agricultores familiares, de 74 municípios. Ibimirim receberá 6.040 quilos de sementes, beneficiando cerca de mil famílias. Ao todo, os 12 municípios ligados à Gerência Regional do IPA, em Arcoverde, receberão 89.360 quilos de sementes de feijão, milho e sorgo forrageiro, alcançado 14.900 agricultores familiares.

Além de Ibimirim, estão incluídos: Alagoinha (5000 kg), Pesqueira (6500 kg), Poção (6500 kg), Buíque (8500 kg), Pedra (11000 kg), Tupanatinga (8030 kg), Venturosa (6.570 kg), Arcoverde (5700 kg), Inajá (3990 kg), Manari (12700 kg), Sertânia (8830).

“Para 2022, adquirimos mais de R$ 13 milhões, o triplo do orçamento anterior. Um recorde, já que é o maior valor dos últimos 10 anos”, destaca o presidente do IPA, Kaio Maiçoba. Já foram entregues, na primeira etapa, 491.640 quilos de sementes de milho e sorgo forrageiro, alcançando 81.940 agricultores familiares do Sertão do Araripe, Pajeú, São Francisco, Itaparica, Central e Moxotó.

Criado em 2019, o Programa Campo Novo, do Governo de Pernambuco, tem como objetivo apoiar o desenvolvimento rural de Pernambuco, por meio do fortalecimento da agricultura e da elevação da qualidade e eficiência da produção agrícola e do combate à pobreza rural.

Fonte: Núcleo de Comunicação

Leia Mais

Departamento de Segurança do IPA lembra Dia Mundial da Água

Com o tema “Economizar e racionar para não faltar”, o Departamento de Segurança Saúde e Meio Ambiente do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), lembra o Dia Mundial da Água comemorado nesta terça (22).

Este ano, o foco está ligado à água doce subterrânea fornecida a grande parte do mundo. O objetivo é alertar a população sobre a importância da preservação da água para a manutenção de todos os ecossistemas do planeta.

Embora 70% da superfície da terra seja coberta por água, menos de 3% desta enorme quantidade de H₂O é doce – e cerca de 2% dela está em geleiras. Ou seja, o mundo tem menos de 1% de água disponível para consumo, conteúdo localizado em lagos, rios e debaixo dos nossos pés.

De acordo com o Relatório Mundial das Nações Unidas sobre Desenvolvimento dos Recursos Hídricos de 2021, 30% dos maiores sistemas de águas subterrâneas do mundo estão em esgotamento causado, principalmente, pela captação de água para irrigação.

Fonte: Núcleo de Comunicação

Leia Mais

Conselho de Administração do IPA promove reunião estratégica de gestão

O Conselho de Administração do IPA promove reunião estratégica sobre os processos administrativos da instituição, na manhã desta quarta-feira (09). Dentre os assuntos debatidos, está a análise e a aprovação dos documentos de gestão, demonstrações financeiras e o fechamento do relatório de gestão e sustentabilidade.

O presidente do IPA, Kaio Maniçoba, comandou a reunião. “As reuniões do conselho são importantes para o bom andamento dos processos de gestão da instituição. A partir desses encontros, analisamos as ações e tomamos as decisões estratégicas”, disse o presidente do IPA. Representando o secretário de Desenvolvimento Agrário, Claudiano Filho, atual presidente do Conselho, participou a coordenadora do departamento jurídico da SDA, Mirela Neukranz.

Participaram da reunião membros do Conselho de Administração, representantes das diretorias do IPA, coordenadores dos núcleos vinculados à presidência da instituição e assessores especiais da Secretaria de Desenvolvimento Agrário.

Fonte: NUC

Leia Mais

IPA orienta agricultores familiares na produção de mel, em Quixaba

O extensionista do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA) do município de Quixaba, Antônio da Silva Carvalho, está orientando agricultores familiares durante um curso sobre apicultura. A preparação está sendo realizada com produtores rurais de Quixaba e Afogados da Ingazeira. O curso é realizado em parceria com IPA e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR).

A apicultura é uma atividade que consiste na extração de mel para produção geleia e própolis, entre outros produtos.  Para começar a criação de abelhas é necessário dispor de uma área verde para a instalação do apiário, de preferência na zona rural e com pelo menos 1500 m², uma vez que as abelhas se afastam da colmeia para buscar flores. Além disso, deve haver uma fonte de água a menos de 500 metros da colmeia.

O curso orienta reconhecer diferentes tipos de abelhas, em especial a abelha africanizada Apis mellifera, e apresentar aspectos da atividade apícola no Brasil. Bem como, listar os produtos das abelhas e suas principais características, composição e utilização.

As orientações também englobam como reconhecer os materiais necessários para a criação de abelhas e suas respectivas funções. Assim também como identificar as características adequadas do local para a instalação de um apiário. Outro destaque é como identificar as vantagens as formas de obtenção de enxames, suas vantagens e desvantagens. Indicar técnicas de manejo das colônias de abelhas no apiário também é parte integrante do curso.

Fonte: Núcleo de Comunicação

Leia Mais

IPA debate com Incra titularização das propriedades de assentamento, em Cortês

A extensionista rural do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), do município de Cortês na Zona da Mata Sul, Joana D’arc participou nessa quinta-feira (2), de uma reunião com representantes da Prefeitura de Cortês e do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).

Vários agricultores da comunidade de Gurjaú na zona rural do município participaram do encontro. O objetivo é iniciar o processo de titularização das propriedades do assentamento, que é esperado há 29 anos pelos produtores rurais. Com o título da terra em mãos, os agricultores têm como garantia a segurança jurídica, bem como a redução de custos operacionais, assim como maior celeridade e eficiência aos processos de regularização fundiária e titulação de assentamentos da reforma agrária.

A regularização fundiária é o processo para formalizar os produtores rurais que ocuparam terras públicas por incentivo do próprio governo, muito antes da criação do Incra, em julho de 1970. O Incra estima que mais de 300 mil propriedades no País estejam nessa condição.

O assentamento é um conjunto de unidades agrícolas independentes entre si, instaladas pelo próprio órgão onde originalmente existia um imóvel rural que pertencia a um proprietário. Cada uma dessas unidades, chamada de parcelas, lotes ou glebas, é entregue pelo Incra a uma família de agricultor ou trabalhador rural sem condições econômicas para adquirir e manter um imóvel rural.

Fonte: Núcleo de Comunicação

Leia Mais

Escritório do IPA de Floresta ganhará reforma completa

Com o objetivo de oferecer mais qualidade aos agricultores familiares que procuram atendimento no município de Floresta, o presidente do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), Kaio Maniçoba, assinou, juntamente com a prefeita de Floresta, Rorró Maniçoba, uma ordem de serviço que autoriza a reforma do prédio da sede municipal do IPA localizado no município, no Sertão do Itaparica.

“O escritório passará por uma reestruturação completa para atender melhor e com mais eficiência os agricultores familiares florestanos. Em breve, estaremos entregando a população de Floresta essa obra tão esperada,” disse Kaio Maniçoba.

Atualmente, trabalham na unidade 9 funcionários, três deles são extensionistas rurais, que atendem os agricultores e agricultoras nas demandas de vários programas gerenciados pela Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER), do IPA, a exemplo do Programa Campo com a distribuição de sementes e o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

Durante o período das reformas, os atendimentos continuam. Os funcionários vão atender normalmente em uma parte reservada do prédio.

Fonte: Núcleo de Comunicação

Leia Mais

Escritório do IPA recebe reforma em Floresta

Nesta quinta-feira (24), a partir das 10h, o presidente do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), Kaio Maniçoba, vai assinar a ordem de serviço que autoriza a reforma do prédio do escritório do IPA localizado no município de Floresta, no Sertão do Itaparica. A reforma vai oferecer mais qualidade aos agricultores familiares que procuram atendimento no local.

Atualmente, trabalham no prédio 9 funcionários, três deles são extensionistas, que atendem aos produtores rurais na demanda de vários programas gerenciados pela Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER), do IPA, a exemplo do Programa Campo com a distribuição de sementes e o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

O valor da obra é R$ 54.444,28. Durante o período das reformas, os funcionários vão atender normalmente em uma parte reservada do prédio.

Fonte: Núcleo de Comunicação

Leia Mais

Distribuição de sementes e inauguração do escritório do IPA movimentam Betânia

O presidente do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), Kaio Maniçoba, realizou duas ações importantes no município de Betânia, na tarde desta segunda-feira (21). A primeira foi a distribuição de sementes de milho do Programa Campo Novo.

Ao todo, foram quatro toneladas de milho, que vão beneficiar agricultores familiares de 25 associações, sendo suficientes para plantar cerca de 400 hectares de terra. Com a produtividade média de 30 sacas por hectare, isso vai proporcionar uma produção de 12 mil sacas de milho por safra, alcançando um valor de R$ 1,2 milhão.

Junto com o prefeito Mário Flor, Kaio assinou a autorização para a reabertura do escritório municipal do IPA. A partir desta ação, os agricultores familiares de Betânia terão de volta a assistência técnica e as orientações dos extensionistas rurais, além das políticas públicas de inclusão propostas pela IPA.

Fonte: Núcleo de Comunicação do IPA

Leia Mais