IPA leva agricultura familiar para Festa do Abacaxi em Pombos

Produtos da agricultura familiar foram destaques na 37ª Festa do Abacaxi, tradicional evento da cidade de Pombos. Os agricultores, apoiados pelo IPA, tiveram a oportunidade de apresentar e comercializar seus produtos, oferecendo ao público alimentos frescos e de boa qualidade. A festa foi realizada neste final de semana.

Durante a festa, os agricultores falaram sobre a importância de contar com o apoio do IPA, destacando que, a partir da orientação dos extensionistas, conseguiram produzir bolos, doces, cachaça, licores e vinhos, não ficando apenas no cultivo da fruta.

 A Festa do Abacaxi foi destaque na imprensa local e também contou com a divulgação com um carro de som e locutor do IPA. O diretor de Extensão Rural, Francisco Dantas, prestigiou o evento. Ele concedeu entrevista para Rádio Brasil 98,5 de Pombos, oportunidade em que falou do trabalho do IPA em incentivar e valorização dos produtores da agricultura familiar do Estado.

Também participaram da festa o prefeito de Pombos, Marcos Ferreira, o secretário de Agricultura Meio Ambiente, Indústria e Comercio, Jairo Rubens, e Geninho, de Turismo e Esportes. O secretário de Governo do município de Cupira, André Macedo, também marcou presença.

Leia Mais

Produtoras de abacaxi de Pombos serão capacitadas para iniciar vendas online

O Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), por meio do escritório local de Pombos, inicia um projeto piloto de capacitação virtual para viabilizar a venda online de produtos online. O primeiro objetivo inicial é alcançar 30 mulheres dos Sítios Manoel Mulato, Olho D´Água e Maracujá. O trabalho é coordenado pela extensionista, Andry Lúcia, que também é responsável pela capacitação, dessas agricultoras, para beneficiamento do abacaxi.

“A ideia é dar andamento ao escoamento da produção, que é vendida , em sua maioria, na Festa do Abacaxi, e iria executar plano para venda durante todos os meses deste ano”, explica ela, que investiu em capacitações online, nas áreas de vendas, mercado, atendimento ao cliente e Biossegurança a fim de atender essa demanda. “Juntas, definiremos estratégias para viabilizar a retomada da comercialização”, disse. O primeiro encontro foi realizado via watsap nesta terça-feira (07), com a participação de seis mulheres que contam com acesso à Internet e a smartphone. “Estamos estudando junto com a gerente do Departamento de Educação e Metodologia de Extensão Rural -(DEEM), Milze Luz, a expansão dessa capacitação para grupos de outros municípios”, finalizou Andry.

Fonte: Núcleo de Comunicação

Leia Mais